terça-feira, 27 de julho de 2010

BON APPÉTIT!! Festa da Achiropita.


Ehhhhh, mas um motivo para nós paulistanos saírmos de casa nesse final de semana, está chegando a mais tradicional festa da Achiropita.
Tudo teve início com a chegada dos italinos no início do século XX os quais trouxeram a devoção a Nossa Senhora Achiropita, com a necessidade de construir a Igreja, onde todos pudessem prestar culto a Padroeira, foi lançada a idéia de promover uma quermesse para angariar fundos necessários. No início a festa era realizada para a construção da igreja e hoje o principal objetivo é levantar recursos para as Obras Sociais. A festa religiosa é o ponto central das comemorações. A programação inclui: 
• Novena da Padroeira.
• Procissão pelas ruas do bairro com Nossa Senhora abençoando as casa e moradores.
• Missa solene com coroação de Nossa Senhora.

Nas ruas Treze de Maio e São Vicente são instaladas 35 barracas onde o público pode deliciar-se com variados pratos típicos italianos, como fogazza, fricazza, polentas à bologneza e frita, antepasto, sardela, peperone e malanzanas al forno, calabrezas, macarrão, pizzas, etc... Vinhos e refrigerantes também são servidos em quantidade e qualidade.Uma grande variedade de doces típicos, como sfogliatelli e canole, são servidos nas barracas. 
No ano 2000 houve ampliação das opções de lazer, com uma barraca de diversões e uma barraca de souvenir. O convite à dança é irresistível: a pista central torna-se pequena e a dança se espalha pelo salão. Nos intervalos os leilões e sorteios mantem o clima de animação e a disputa pelas prendas é bastante acirrada. 
Além do incomparável macarrão ao molho Achiropita os convidados podem deliciar-se com variada mesa de antepastos, saladas, frios, polenta frita, pão italiano, sardela, diversos tipos de beringela, etc. Tudo à vontade.
A parte, as iguarias preparadas pelas "mammas", podem também ser saboreados: peperones e melanzanas al forno, fogazza, fricazza, etc. Os ingressos para a Cantina são vendidos a partir da primeira semana de julho, com lugares reservados e preços variados. Estima-se a presença de 200.000 pessoas no período da festa e é previsto o consumo de 10.000 quilos de farinha de trigo, 10.000 quilos de MACARRÃO, 4.500 latas de óleo, 5.000 quilos de mussarela, 5.000 quilos de linguiça, 5.000 quilos de carne, 10.000 litros de vinho, 15.000 litros de chopp e 15.000 litros de refrigerante. Uhuuu!
E por lá, podemos nos fartar com tantas guloseimas tipicamente italianas, muita massa, molhos, fogassas, e vinhos.... para que está com apetite e afim de ver bastante gente feliz, vale apena conferir esse evento religioso e também gastronômico  uma dica bem bacana para  todos que moram aqui em Sampa!

Mas, para quem não quizer sair de casa ou está afim de preparar na casa de um amigo um jantar bem farto com jeitão italiano, a boa pedida é uma massa. Fácil de fazer e de comer, existem centenos tipos de massas, tamanhos, larguras e espessuras, cores também! E o melhor de tudo é que você pode ousar e usar o molho que preferir, e amiga, existem milhares de molhos por esse mundo!

De acordo com Auguste Escoffier os molhos se dividem de acordo com sua temperatura ( quente ou frio) e consistencia, classificando como básicos, derivados, emulsionados, especiais e contemporaneos.

Exemplos de molhos:
Básicos: Demi-glace, bechamel, velouté, tomate.
Derivados: Bordelaise, madeira, suprême, bercy, albufera, poivre,
Emulsionados: Maionese, aioli, anglaise, rémoulade, golf.
Especiais: Gorgonzola, funghi, pesto, iogurte, mint sauce.
Contemporâneos: Chutneys, coulis, salsas, relishes.
Esses citados acima, são apenas uma minoria dos grandes e numerosos molhos que existem. Mas para que complicar se o objetivo desse blog é facilitar à todos....

Pappardelle com Shitake
Rendimento: 04 porções
Tempo de preparo: 20 min

300 gr de Shitake
03 cl de (sopa) de azeite
01 dente de alho picado fino
suco de 1/2 limão
150 ml de vinho tinto seco
450 gr de Pappardelle
100 gr de queijo parmesão ralado
01 punhado de salsa fresca picada grosseiramente
50 gr manteiga
sal e pimenta-do-reino à gosto
Modo de preparo
Corte os talos do shitake, e corte em tiras grossas. Em uma panela coloque o azeite e refogue o alho e junte o shitake, quando muchar coloque  o vinho e deixe reduzir um pouco, em seguida acrescente o suco do limão, a salsa e acerte o ponto do sal e da pimenta. Em uma cassarola, ferva água suficiente para cozinhar a massa, assim que estiver al dente, escorra e coloque em um recipiente, misture a manteiga nessa massa até derreter completamente, coloque os cogumelos e mexa com cuidado, sirva polvilhado com uma pequena quantidade de queijo parmesão.

Bon Appétit!!!!!!!!!!




Festa Achiropita
Datas: 31 julho/01, 07/08, 14/15, 20/21/22, 28/29 de agosto
Fogazza - Antepasti Sfogliateli Vinho
Fricazza - Peperoni Canolli Chopp
Polenta - Melanzana ao forno Crustoli Cerveja
Sardela - Calabresas e muito mais... Refrigerantes
Macarrão - Pizza

35 barracas para o público nas ruas 13 de Maio,São Vicente e
Dr.Luiz Barreto com entrada franca.


Horário
Sábados – das 18h00 às 24h00
Domingos – das 17h30 às 22h30

“Cantina Madona Achiropita” – Mesas com 800 lugares numerados, “mesão” com deliciosos pratos frios e quentes preparados carinhosamente pelas “mamas” de nossa cozinha, show ao vivo com o melhor das músicas e danças típicas italianas, além de leilões e sorteios de brindes.

CONVITES PARA A CANTINA
Vendas a partir do dia 03 de julho (sábado), 
e durante todo o mês, na secretaria da Igreja.
Informações sobre valores, favor entrar em contato
com a secretaria da Igreja, horários,
2ª a 6ª feira - das 18h00 às 21h00
Sábados - das 9h00 às 12h00
Endereço:
Rua 13 de Maio, 478 - Bela Vista – Tel.: (11) 3105-2789