terça-feira, 25 de outubro de 2016

Mostra de Cinema de SP exibe três filmes da diretora americana Bette Gordon

Importante nome do cinema independente, a diretora americana Bette Gordon ganhou uma miniretrospectiva na edição deste ano da Mostra Internacional de Cinema em São Paulo. O festival, que fica em cartaz até 2 de novembro, exibirá três filmes da cineasta, que também fará parte do júri.




Nascida em 1950, Gordon começou a carreira nos anos 1970 e é conhecida por explorar temas como sexualidade, violência e poder. Sua obra faz parte da coleção permanente do Museu de Arte Moderna de Nova York (MoMA), do Centro George Pompidou, em Paris, e do Instituto Britânico de Cinema, em Londres, entre outras instituições. A diretora também é professora na Escola de Artes da Universidade de Columbia.

Seu filme mais conhecido é Variety (1984), que inovou ao falar sobre sexualidade e voyeurismo sob o ponto de vista da mulher. O longa conta a história de Christine (Sandy McLeod), funcionária da bilheteria de um cinema pornô que desenvolve uma obsessão por um dos frequentadores e começa a segui-lo.

A Mostra também exibe Handsome Harry (2009), sobre um ex-fuzileiro naval encarregado de realizar o último desejo de um antigo colega que está prestes a morrer; e O Afogamento (2016), trabalho mais recente de Gordon, no qual um psicólogo infantil reencontra um homem que ajudou a condenar por assassinato 12 anos antes.

Veja os horários e locais de exibição:

Variety

26/10, 17h15, no Museu da Imagem e do Som
27/10, 19h, no Cinusp – Auditório
28/10, 17h, na Cinemateca – Sala BNDES
31/10, 18h40, no Cinesesc

Handsome Harry
26/10, às 16h, no Cinusp – Auditório
31/10, às 20h30, no Cinesesc
01/11, às 18h, no Espaço Itaú de Cinema – Frei Caneca 2

O Afogamento
26/10, 19h, Cinusp – Auditório – ECA – USP
27/10, 19h20, Espaço Itaú de Cinema – Frei Caneca 1
28/10, 20h, no Espaço Itaú de Cinema – Frei Caneca 2
29/10, 15h30, no Cinesala
31/10, 22h15, no Cinesesc


por Luísa Pécora - 25 de outubro de 2016
Mulher no Cinema