quinta-feira, 7 de abril de 2011

Mercado da Beleza segmento quintuplicou o faturamento entre 1996 e 2009, alcançando a marca de R$ 24,9 bilhões

Trabalhar com produtos e conceitos na área de beleza e estética no Brasil é um excelente negócio. De acordo com a Associação Brasileira de Indústrias de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos, o segmento quintuplicou o faturamento entre 1996 e 2009, alcançando a marca de R$ 24,9 bilhões e tornando-se o terceiro mercado mundial, atrás apenas dos Estados Unidos e Japão.Olha só a mulherada brasileira!!!!

De acordo com dados divulgados pela entidade, os principais fatores que influenciaram o desenvolvimento desse mercado no Brasil foram o desenvolvimento da indústria, a crescente participação ( e consequente aumento no poder aquisitivo) das mulheres no mercado de trabalho e a utilização de tecnologia de ponta, o que otimizou a produtividade.

Em 15 anos, no período de 1994 a 2009, o crescimento da geração de empregos no segmento foi de 143% apenas em salões de beleza.


Em decorrência da demanda por mão-de-obra, os centros de qualificação profissional também foram impulsionados pelas oportunidades geradas.

Isso é prova de que a mulher mesmo se destacando no mercado de trabalho...não deixa a peteca cair e gosta de se cuidar, se manter jovem e bonita.

Sorte das empresas de beleza e sorte das consumidoras que estão tendo mais acesso a marcas diferentes e preços competitivos!!